capa do livro

Assistentes Sociais no Brasil

Um estudo a partir das PNADs

Pedro Simões

O Serviço Social é uma profissão consolidada desde os anos 50. Quais as características dos seus profissionais? Moças boazinhas que querem ajudar ao próximo? Pedro Simões (coordenador do Laborató­rio de Dados Sociais (LAB‑10)) enfrentou este estereótipo e traz a público o resultado das pesquisas sobre o tema a partir das Pesquisas Nacionais de Amostra Domiciliar (PNADs).

Com dados produzidos pelo IBGE e organizados pelo LAB-10, o autor investigou as características dos assistentes sociais entre os anos 70 e a primeira década dos anos 2000, analisando, entre outros temas: a presença dos homens na profissão, a participação religiosa e política dos profissionais, a importância do serviço social como instrumento de mobilidade social e os elementos de migração, bem como as especificidades do mercado de trabalho em cada uma das regiões do país.

Este livro destina-se, desse modo, a todos que atuam no campo da intervenção social, da assistência social e que estão nos cursos de Serviço Social. Com ele, os leitores terão acesso não apenas aos dados históricos destes profissionais, mas também a informações do capital econômico, social e cultu­ral que distinguem e assemelham estes profissionais de todos que atuam na área social.

Veja também

capa do livro

Gênero, Origem Social e Religião

Os estudantes de Serviço Social do Rio de Janeiro

Pedro Simões

capa do livro

O Serviço Social no Brasil

Os fundamentos de sua imagem social e da autoimagem de seus agentes

Fátima Grave Ortiz

capa do livro

Saúde, Previdência e Assistência Social

Desafios e Propostas Estratégicas

Fátima Bayma de Oliveira e Istvan Karoly Kasznar (org.)

capa do livro

Vocabulário de química e refino de petróleo

Elizabete Lucas, Gonzalo Martínez-Barrera, Michael Bratychak, Olena Astakhova

capa do livro

O fazer e o desfazer dos direitos

Experiências etnográficas sobre política, administração e moralidades

Adriana Vianna (org.)