capa do livro

Teatro de Rua no Brasil

A primeira década do terceiro milênio

Licko Turle e Jussara Trindade (org.)

Esta publicação é o produto final do projeto de pesquisa intitulado Teatro de Rua do Brasil - a primeira década do terceiro milênio contemplado no primeiro Edital Prêmio Funarte Artes Cênicas na Rua, lançado em 2009.

O seu objetivo principal é dar visibilidade à produção brasileira de teatro de rua nos primeiros dez anos do século XXI, de modo a possibilitar um panorama atual sobre o seu desenvolvimento e organização.

Para chegar a este resultado, foi preciso elaborar um minucioso trabalho de busca, processamento e recuperação de acervos documentais referentes à produção teatral de rua que se encontrava dispersa por todo o país. São artigos, ensaios, mensagens em correio eletrônico, cartas, entre outros textos. Nesse processo, estreitaram-se os laços de solidariedade construídos ao longo de anos com inúmeros artistas de rua, grupos, pesquisadores e produtores culturais.

Foi necessário, ainda, efetuar um levantamento do material existente sobre o teatro de rua realizado nos últimos dez anos no Brasil, nos acervos de instituições de ensino e pesquisa em teatro - tarefa que revelou a escassez de fontes documentais sobre o tema nos espaços oficiais de ensino do teatro.

O desejo de manter a dinâmica ágil e informal que caracteriza grande parte das trocas de informações aqui apresentadas levou-nos em alguns momentos à opção de extrairmos, da comunicação virtual entre grupos que praticam a modalidade teatro de rua, trechos com e-mails sequenciais que foram propositalmente deixados em "estado bruto" porque descreveram e veicularam, com seu teor próprio, o pensamento, a ideologia, os equívocos e incertezas dos próprios fazedores teatrais, ou entre estes e outros atores sociais.

O livro está dividido em duas seções:

A Parte I inicia com uma síntese sobre algumas das mais significativas produções teóricas que encontramos, realizadas por pesquisadores brasileiros. A ideia é que o leitor perceba as diversas tentativas e propostas de sistematização dos procedimentos frequentes que aparecem nesta modalidade, principalmente na formação do ator que atua nos espaços abertos. São livros que abordam o teatro de rua, ou como objeto de estudos acadêmicos, ou a partir das experiências práticas de grupos teatrais, além de ensaios escritos por outros estudiosos sobre o teatro de rua, que encontramos publicados no sítio eletrônico da Cooperativa Paulista de Teatro entre 2008 e 2009. A seguir, apresentamos alguns dos textos já divulgados na Internet por integrantes do Núcleo de Pesquisadores de Teatro de Rua, criado por articuladores da Rede Brasileira de Teatro de Rua - RBTR, interessados na produção de um corpo teórico de conhecimentos nesta área.

A Parte II mostra a criação da RBTR - um dos produtos da cultura digital no Brasil - como o resultado concreto de um intenso e fértil processo de negociações, realizadas quase sempre por meio virtual e vividas no interior do próprio conjunto dos seus fazedores teatrais. São aqui apresentados os documentos produzidos por seus articuladores nos encontros nacionais presenciais, realizados entre 2007 e 2010 nas diversas regiões do país. Eles nos revelam as etapas desse processo, as lutas travadas e as bandeiras levantadas por esta organização. Parte da correspondência via e-mails que relata algumas das mais importantes discussões realizadas no grupo virtual teatroderuanobrasil@grupos.com.br encerra este livro. Levá-la a público, foi a maneira que nos pareceu mais adequada de mostrar a paixão que moveu o Teatro de Rua no Brasil na primeira década deste milênio.

Veja também

capa do livro

Teatro de rua

Olhares e perspectivas

Narciso Telles e Ana Carneiro (org.)

capa do livro

Pesquisa em Artes Cênicas

Textos e Temas

Narciso Telles (Org.)

capa do livro

Teatro do oprimido e negritude

A utilização do teatro-fórum na questão racial

Licko Turle