capa do livro

Governança Climática no Antropoceno

Da rudeza dos fatos à esperança no Brasil

Carlos José Saldanha Machado e Rodrigo Machado Vilani

Mudanças climáticas e desastres ambientais são causa e consequência da imprevisibilidade humana. Os efeitos das mudanças climáticas para a vida em sociedade já são visíveis e tangíveis na rotina diária da população, autorizando uma avaliação crítica do governo federal, o responsável pela formulação, implementação e avaliação da política institucional do País. Os autores utilizam o princípio da precaução como elemento estruturante dessa análise crítica e propositiva em relação aos processos que concorrem para as mudanças climáticas. Para tanto, destacam que o princípio da precaução reverbera uma importante cláusula do contrato para a governança climática, a do bom combate à inação pública diante de incertezas e certezas científicas que prejudiquem ou possam prejudicar a vida em todas as suas formas. Assim sendo, os capítulos que compõem este ensaio traduzem os esforços teórico-metodológicos iniciados em 2007 pelos autores, todos pautados na esperança de realização de uma sociedade brasileira sustentável.

Veja também

capa do livro

Reciclagem Química de Resíduos Plásticos

Tecnologias e Impactos

Alessandra Duailibe, José Carlos Pinto, Jorge Juan Soto Delgado

capa do livro

Sobre o Amor

e a plena autorrealização consciente

Rodrigo Victor Marques

capa do livro

Temas e problemas da vida em sociedade no Brasil

Carlos José Saldanha Machado & Rodrigo Machado Vilani

capa do livro

Poluição do ar

Indicadores ambientais

Neise Ribeiro Vieira

capa do livro

A política brasileira entre as décadas de 1970 e 2000

A interpretação sócio-histórica de Raymundo Faoro

Maria José de Rezende