capa do livro

Telenovela e Representação Social

Benedito Ruy Barbosa e a Representação do Popular na Telenovela Renascer

Maria Carmem Jacob de Souza

 

O livro de Maria Carmem Jacob de Souza, Telenovela e representação do social: Benedito Ruy Barbosa e a representação do popular na telenovela Renascer, constitui-se como significativa contribuição para o campo da reflexão sobre teledramaturgia no Brasil. A telenovela apresenta-se, aqui, como objeto singular de análise e interpretação que permite conexões mais amplas com o debate sobre cultura contemporânea: cultura de características híbridas, altamente complexa, que se molda nas fronteiras entre matrizes populares, tradições letradas e produção massiva. Para além de uma leitura densa sobre a trajetória de Benedito Ruy Barbosa - autor consagrado no campo da teleficção no Brasil - e sobre a narrativa da telenovela Renascer (Direção: Luiz Fernando de Carvalho, Rede Globo de Televisão, 1993), esse trabalho mergulha fundo em questões prioritárias para a compreensão da cultura brasileira e, essencialmente, sobre o grande desafio que é o entendimento sobre o popular no debate cultural da atualidade.


Silvia Helena Simões Borelli
Abril de 2004.

Veja também

capa do livro

Analisando Telenovelas

Maria Carmem Jacob de Souza (org)

capa do livro

A Linguagem do Telejornal

Um estudo da cobertura dos 500 anos do Descobrimento do Brasil

Beatriz Becker

capa do livro

Novas mídias digitais (audiovisual, games e música)

Impactos políticos, econômicos e sociais

Fábio Villares (org.)

capa do livro

Mídia de Chocolate

Estudos sobre a relação infância, adolescência e comunicação

Inês Sílvia Vitorino Sampaio, Andréa Pinheiro Paiva Cavalcante e Alessandra Carlos Alcântara